Se está a ver esta mensagem é porque está a utilizar uma versão antiga do Internet Explorer incompatível com o actual site da Fundação A LORD.

Actualize o Internet Explorer para a sua versão mais recente ou instale um dos navegadores de internet abaixo sugeridos por nós:


Internet Explorer

Mozilla Firefox

Google Chrome

Opera

Dinamização da Cultura, da Educação e da Sociedade

A Vinha e o Vinho | Assinatura do Protocolo

No passado sábado, dia 3 de Setembro, pelas 21h15, realizou-se a assinatura do protocolo entre a Fundação A LORD e a Confraria do Vinho Verde. A partir desta data a Fundação passa a ser Confrade Protector. O acto mereceu uma cerimónia realizada no Salão Nobre da primeira Instituição, iniciada e orientada pelo Sr. Dr. Mário Correia Cerqueira, Presidente da Federação das Confrarias Báquicas de Portugal e Mestre da Confraria do Vinho Verde.

Após a leitura do protocolo, o Presidente da Fundação A LORD, Sr. Dr. Francisco Leal, dirigiu palavras de apreço à Confraria e manifestou a honra sentida pela Instituição em fazer parte desta nobre Associação. A cerimónia foi finalizada pelo discurso do Grão-Mestre Luís Gusmão Rodrigues, que vincou a necessidade da protecção da genuinidade e qualidade do Vinho Verde e referiu sobre a possibilidade de se constituir uma Delegação Concelhia de Paredes, devido ao crescente número de Confrades deste Concelho, sabendo que nele também residem dois dos fundadores da Confraria.

O Grão-Mestre fez ainda a ligação desta cerimónia com o evento seguinte, dizendo que a exposição, que a seguir se inaugurou, foi resultado do repto lançado pela Confraria aos alunos do Curso de Pintura do Centro de Formação Sénior do Sindicato dos Professores da Zona Norte (SPZN). Este constou da elaboração de um conjunto de obras subordinadas ao tema “A Vinha e o Vinho”, já que, segundo as palavras do Sr. Dr. Luís Gusmão Rodrigues, há várias décadas que não se conhecia uma exposição relativa ao assunto.



A referida Exposição foi inaugurada no Foyer do Auditório da Fundação A LORD, por volta das 22h00. O Sr. Dr. Mário Correia Cerqueira fez a contextualização das trinta obras apresentadas, uma das quais elaborada pelo próprio, como um dos alunos e enalteceu o papel do Mestre Dagoberto, professor do curso de pintura. Seguiu-se a apresentação do Sr. Dr. Francisco Leal que fez um breve resumo da actuação d’A LORD para os mais de setenta por cento das cerca de cento e quarenta pessoas presentes que provinham de localidades exteriores ao Concelho de Paredes. Também agradeceu ao Secretariado dos Professores Aposentados e à Confraria do Vinho Verde a colaboração concedida na organização da exposição, bem como ao Grupo da Universidade Sénior de Valongo e ao Sr. Dr. Duarte Menezes, seu representante e membro.


Após as duas intervenções, foi a vez da actuação do Grupo de Cantares Tradicionais da Universidade Sénior de Valongo. Os cerca de vinte elementos animaram vigorosamente o evento, com os seus cavaquinhos, violas, ferrinhos e vozes. Os presentes, que formaram uma roda à sua volta para os ver e ouvir, acompanharam a actuação e aplaudiram satisfeitos.

O evento terminou com uma visita à exposição e um verde de honra, que proporcionou grande confraternização entre os convidados.

Partilhe!

Tags: ,

Sem comentários.

Responder